Defensoria Pública de Minas Gerais

Igualdade e cidadania para todos


Barbacena recebe sua primeira edição do Casamento Comunitário


Por Ascom em 27 de janeiro de 2020

Em uma bela cerimônia que celebrou o amor, o companheirismo e os vínculos familiares, a Defensoria Pública de Minas Gerais (DPMG) e o Centro Judiciário de Solução de Conflitos (Cejusc) realizaram o Casamento Comunitário em Barbacena. A solenidade aconteceu na sexta (24/1), no Automóvel Clube da cidade, e formalizou a união de 51 casais.

Esta foi a primeira vez que o município recebeu a iniciativa, que teve o apoio de diversos parceiros.

A cerimônia contou com entrada dos noivos em tapete vermelho ao som da Marcha Nupcial executada por músicos locais, ornamentação especial, valsa dos casais, coquetel, DJ e entrega das certidões de casamento.

Padrinhos, familiares e amigos dos noivos lotaram o salão do Automóvel Clube de Barbacena

Em seu pronunciamento, o coordenador do Cejusc de Barbacena, juiz de Direito Marcos Alves de Andrade, expressou sua emoção em participar da cerimônia. “Em mais de 30 anos de magistratura, mais de 200 mil sentenças, entre elas umas 3.000 de separação e divórcio, esta é a primeira vez que eu vejo o contrário: uma celebração do casamento e da família”, afirmou o magistrado.

Marcos Alves de Andrade também falou sobre o papel do Cejusc, de “aproximar as pessoas e distribuir a paz”, e destacou que a formalização da união garante os direitos derivados do casamento – civis, previdenciários e hereditários.

Coordenador do Cejusc, juiz Marcos Alves de Andrade

Representando o defensor-geral de Minas Gerais, Gério Patrocínio Soares, a coordenadora local substituta, defensora pública Delma Gomes Messias, salientou a honra da Defensoria Pública na realização do evento. “São 51 famílias que se estruturam. Vários de vocês são namorados já conviventes, mas agora fizeram a opção deste modelo de família formada através do casamento”, observou.

Delma Messias salientou a atuação extrajudicial da Defensoria Pública e fez agradecimentos aos parceiros do Casamento Comunitário, entre eles o Cejusc, nas pessoas do coordenador, juiz Marcos Alves de Andrade, e da supervisora Priscila Mello Moura.

Coordenadora local substituta, defensora pública Delma Messias

Entrada dos noivos no tapete vermelho

A ornamentação deu um toque especial à cerimônia

Cinquenta e um casais legalizaram a união no Casamento Comunitário

Compuseram o dispositivo de autoridades o tenente Clayton Carvalho, representando o comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar de Barbacena; a supervisora e o juiz de Direito coordenador do Cejusc, Priscila Mello Moura e Marcos Alves de Andrade; a defensora pública coordenadora local substituta da comarca, Delma Gomes Messias, representando o defensor-geral de Minas Gerais, Gério Patrocínio Soares; o defensor público Sidnei Henrique da Silva, idealizador do evento; o diretor do Interior da ADEP-MG, defensor Moacyr Costa Rabello, representando o presidente da entidade, Fernando Campelo Martelleto; e o representante da Secretaria Municipal de Governo, Julieser Campos

Também participaram da cerimônia os defensores públicos Cássia Rejane Chiericato, Marco Aurélio Brazil e Álvaro Lima Guimarães Costa.

Defensor público Sidnei Henrique da Silva, idealizador do evento, e a supervisora do Cejusc, Priscila Mello, entregam a certidão de casamento

Os casais foram presenteados com um kit da Cereser

Realização

O Casamento Comunitário foi promovido pela Defensoria Pública de Minas Gerais, por meio da Coordenadoria de Projetos, Convênios e Parcerias, e pelo Centro Judiciário de Solução de Conflitos (Cejusc).

Parcerias

Uma ampla rede de parceiros e apoiadores possibilitou a realização da cerimônia – Cartórios de Registro Civil de Barbacena, 1º e 2º Ofício; Associação das Defensoras e dos Defensores Públicos de Minas Gerais (ADEP-MG); Unimed de Barbacena; Buffet Nelma Bertolino; presidência do Automóvel Clube; Floricultura Rosa Morena; Campos Distribuidora; Comemorar Cerimonial; Marciano Flores; Julielle Noivas; DJ Wanderson Ferraz; rádios 93,3 e Sucesso FM; Cereser; Polícia Militar de Minas Gerais; Copasa; Juliana Anjo da Guarda; LS Som e Luz; João Bosco Tendas e Unipac.



Transparência

O que é?

O objetivo dessa sessão é permitir o acesso transparente, rápido e fácil aos documentos e informações relacionadas à Execução Orçamentária e Financeira, Licitações, Contratos e Convênios.

saiba mais >