Defensoria Pública de Minas Gerais

Igualdade e cidadania para todos


Coordenador da DPMG em Sete Lagoas fala sobre o modelo Apac em audiência pública


Por Ascom em 16 de setembro de 2014

O coordenador da Defensoria Pública em Sete Lagoas, Gilson Santos Maciel, participou no dia 15 de setembro (segunda-feira), da audiência realizada pela Comissão de Direitos Humanos na Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac) da comarca.

A iniciativa é do deputado Durval Ângelo e contou, ainda, com a participação do vice-prefeito de Sete Lagoas, Ronaldo João da Silva; do presidente da Associação de Proteção e Assistência aos Condenados – Apac/ Sete Lagoas, Flávio Lúcio Batista Rocha; do diretor executivo da Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados – FBAC/Itaúna, Valdeci Antônio Ferreira; e da conselheira do Conselho Deliberativo da Apac, Eliana Barbosa dos Anjos de Paula.

A reunião integra uma sequência de visitas a Apac’s em todo o Estado, realizada pela Comissão de Direitos Humanos da ALMG, para avaliar a metodologia utilizada em comparação ao sistema prisional convencional.

Atualmente, Minas Gerais conta com 36 Apac’s, com um custo de, até três vezes, menor do que uma unidade convencional. Durante a audiência o defensor público Gilson Maciel destacou o índice de recuperação do modelo Apac “que é de cerca de 90%, enquanto no sistema prisional convencional não chega a 15%”.

a_willian dias

Defensor público Gilson Maciel participa da audiência pública realizada na Apac de Sete Lagoas para avaliação da metodologia de recuperação de detentos



Transparência

O que é?

O objetivo dessa sessão é permitir o acesso transparente, rápido e fácil aos documentos e informações relacionadas à Execução Orçamentária e Financeira, Licitações, Contratos e Convênios.

saiba mais >