Defensoria Pública de Minas Gerais

Igualdade e cidadania para todos


Defensora-geral prestigia abertura das atividades da EJEF para o biênio 2016/2018


Por Ascom em 23 de agosto de 2016

Nesta sexta-feira (19/08), a defensora pública-geral, Christiane Neves Procópio Malard, representou a Instituição na abertura das atividades da Escola Judicial Desembargador Edésio Fernandes (EJEF) referentes ao biênio 2016/2018.

O evento contou com palestra da ministra Cármen Lúcia Antunes Rocha, presidente eleita do Supremo Tribunal Federal (STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

a_DSC_2534

A ministra do Supremo Tribunal Federal, Cármen Lúcia Antunes Rocha, proferiu a palestra de abertura

Em seu discurso de abertura, o desembargador Wagner Wilson Ferreira, segundo vice-presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) e superintendente da Ejef,  ressaltou que o olhar da Escola Judicial neste biênio voltar-se-á, em especial, para a formação integral de magistrados e servidores, em um modelo, no qual técnica e prática se completem.

Ao saudar a ministra Cármen Lúcia, o presidente do TJMG, desembargador Herbert Carneiro, destacou o contentamento, para o mundo jurídico de Minas Gerais, da chegada de uma mineira à presidência da mais alta corte do Judiciário brasileiro, e lembrou a rica trajetória da ministra, que foi professora, é autora de vários livros e artigos, participou de várias comissões, recebeu diversos prêmios e honrarias e integrou bancas de concursos, entre outros feitos de destaque.

Em sua palestra, “O Judiciário no Século XXI: sua importância para a construção de uma sociedade fraterna”, a ministra Cármen Lúcia propôs a seguinte questão: “que Judiciário temos, que Judiciário queremos e que Judiciário a sociedade almeja?”. A ministra ressaltou o fato de que o mundo mudou de maneira acelerada nas últimas décadas, tendo mudado também a mentalidade do cidadão, que busca mais e mais garantir seus direitos. “Esse novo contexto exige a transformação do Judiciário”, afirmou.

A solenidade aconteceu no auditório do Anexo I do TJMG, com participação especial do coral e da orquestra infantojuvenil da Coordenadoria da Infância e da Juventude (Coinj), do Tribunal.

A_DSC_2529

Defensora-geral, Christiane Neves Procópio Malard (ao centro), assiste a palestra da ministra Cármen Lúcia

a_ des wagner wilson DSC_2543

DPG acompanhada pelo superintendente da Ejef e segundo vice-presidente do TJMG, desembargador Wagner Wilson Ferreira

Foto a_ des wagner wilson DSC_2543: DPG acompanhada pelo superintendente da Ejef e segundo vice-presidente do TJMG, desembargador Wagner Wilson Ferreira

Fonte: Ascom / DPMG, com informações do TJMG (23/08/2016)



Transparência

O que é?

O objetivo dessa sessão é permitir o acesso transparente, rápido e fácil aos documentos e informações relacionadas à Execução Orçamentária e Financeira, Licitações, Contratos e Convênios.

saiba mais >