Defensoria Pública de Minas Gerais

Igualdade e cidadania para todos


Defensora-geral prestigia palestra da ministra Cármen Lúcia, do STF


Por Ascom em 15 de março de 2016

Nesta segunda-feira (14/03), a defensora pública-geral, Christiane Neves Procópio Malard, representou a Instituição na aula magna proferida pela ministra do Supremo Tribunal Federal, Cármen Lúcia. A palestra marcou o início do ano letivo de 2016 na Faculdade de Direito da UFMG.

A_DSC_4568

Defensora-geral, Christiane Malard (1ª, à esquerda), compõe a mesa solene do evento

Para um auditório lotado, e com a presença do reitor da UFMG, Jaime Ramírez, a ministra destacou que a democracia está cada vez mais forte. “Andamos muito para chegar a um tempo em que a pluralidade, que está prescrita na Constituição, seja a tônica da vida de cada um de nós. A democracia, mais que um regime, é um modo de vida e uma conquista permanente”, afirmou.

Cármen Lúcia pontuou, no entanto, que o Brasil vive atualmente em estado de guerra. “E não é uma guerra contra o Estado, não é raiva do servidor ou do presidente, mas a raiva é do vizinho porque ele não pensa igual. A intolerância é de uma geração que não quer nada diferente. E não se resolve a vida com raiva, nós do Direito temos o dever de trabalhar pela pacificação – não no sentido abstrato, mas no sentido de viver em paz com o outro porque só assim o outro se sente no estado de Justiça”, disse aos estudantes.

A_ DSC_4559

Diretor da Faculdade de Direito da UFMG, prof. Fernando Gonzaga Jayme; defensora-geral, Christiane Malard; ministra do STF, Cármen Lúcia; e o 2º vice-presidente do TJMG, desembargador Kildare Gonçalves Carvalho

A_geralDSC_4548

DPG, ministra Cármen Lúcia e demais autoridades



Transparência

O que é?

O objetivo dessa sessão é permitir o acesso transparente, rápido e fácil aos documentos e informações relacionadas à Execução Orçamentária e Financeira, Licitações, Contratos e Convênios.

saiba mais >