Defensoria Pública de Minas Gerais

Igualdade e cidadania para todos


Defensoria participa de instalação de centro para solução de ocupações urbanas e rurais


Por Ascom em 2 de julho de 2015

A defensora pública-geral Christiane Neves Procópio Malard, participou, na quarta feira, (1/07), da instalação do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania para Demandas Territoriais Urbanas e Rurais e de Grande Repercussão Social – Cejus Social, do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), e da Mesa de Diálogo e Negociação Permanente com Ocupações Urbanas e Rurais e outros grupos envolvidos em conflitos sociofundiários.

Defensoria integra o Cejus juntamente com o TJ, Ministério Público e OAB

Defensoria integra o Cejus juntamente com o TJ, Ministério Público e OAB

A solenidade marcou o lançamento do Cejus Social para resolver conflitos sociofundiários em Minas

A solenidade marcou o lançamento do Cejus Social para resolver conflitos sociofundiários em Minas

O Cejus é coordenado por três juízes e tem a participação da Defensoria Pública e do Ministério Público Estadual (MPE), além da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Já a mesa de negociações é composta por integrantes do governo e da sociedade civil. Com a medida, o governo pretende concentrar todos os problemas sobre conflitos agrários, invasões de terra e outros de repercussão social.

Fonte: Ascom/DPMG (02/07/2015)



Transparência

O que é?

O objetivo dessa sessão é permitir o acesso transparente, rápido e fácil aos documentos e informações relacionadas à Execução Orçamentária e Financeira, Licitações, Contratos e Convênios.

saiba mais >