Defensoria Pública de Minas Gerais

Igualdade e cidadania para todos


Defensoria Pública inicia projeto “Defensoria sem Barreiras” em Nova Lima


Por Ascom em 15 de outubro de 2014

Na sexta-feira (03/10), a unidade da Defensoria Pública em Nova Lima realizou o primeiro atendimento de presos provisórios por videoconferência, dando início à implantação do projeto “Defensoria sem Barreiras”.

O projeto, que é resultado de um termo de cooperação técnica celebrado entre a Instituição, os Municípios de Nova Lima, Rio Acima e Raposos e o Instituto Nova Limense de Estudos do Sistema Penitenciário (Inesp), tem como objetivo ampliar a capacidade de atendimento das demandas da DPMG na comarca de Nova Lima.

O coordenador local da unidade da Instituição, defensor público Gustavo Dayrell, explica que a ideia da videoconferência surgiu para tentar minimizar a dificuldade de acesso dos assistidos à Defensoria Pública e ao Poder Judiciário, devido à grande extensão da comarca de Nova Lima.

video 01

Videoconferência: inovação e ampliação dos atendimentos

No seu primeiro dia de implantação, o projeto “Defensoria sem Barreiras” atendeu três presos provisórios por videoconferência. Segundo o coordenador Gustavo Dayrell, “na prática, hoje, o defensor tem dificuldade em fazer a defesa de presos que se encontram em outras comarcas. O atendimento por videoconferência permitirá, em fase subsequente, que o defensor atenda presos que se encontram em unidades prisionais de outras comarcas. Pioneiro no Estado, o projeto é de extrema importância, não só pelos motivos já citados, mas também, por significar economia para o Estado”.

O evento contou com a presença do coordenador da área Criminal da Capital, João Paulo Torres Dias; dos defensores públicos Gustavo Dayrell e Maria Cecília Oliveira, em atuação na comarca; do juiz criminal Juarez Morais de Azevedo; e da promotora de Justiça, Elva Cantero; além da televisão local, TV Banqueta, que fez a cobertura da inauguração do serviço.

A adoção do novo método não implicará em redução nos atendimentos presenciais da Defensoria Pública em Nova Lima, que permanecerá funcionando nos mesmos moldes. A intenção da DPMG é expandir o projeto junto ao sistema penitenciário de Minas Gerais.

grupo

Promotora de Justiça, Elva Cantero; juiz criminal Juarez Morais de Azevedo; coordenador local, defensor público Gustavo Dayrell; defensora Maria Cecília Oliveira; e o coordenador da área Criminal da Capital, João Paulo Torres Dias



Transparência

O que é?

O objetivo dessa sessão é permitir o acesso transparente, rápido e fácil aos documentos e informações relacionadas à Execução Orçamentária e Financeira, Licitações, Contratos e Convênios.

saiba mais >