Defensoria Pública de Minas Gerais

Igualdade e cidadania para todos


Defensoria Pública participa da inauguração de oficina de trabalho no presídio de Muriaé


Por Ascom em 16 de setembro de 2015

A assessora de Planejamento e Infraestrutura, Roberta de Mesquita Ribeiro, representou a defensora pública-geral, Christiane Neves Procópio Malard, na solenidade de inauguração da oficina de trabalho e de uma cela de visita íntima, na quinta-feira, 10, no presídio de Muriaé. No evento, a Defensoria Pública foi homenageada por sua atuação na assistência oferecida aos reeducandos e pelo trabalho em defesa das pessoas privadas de liberdade.

a_DSC_0050

A mesa diretora da solenidade contou com a presença das defensoras publicas Roberta de Mesquita Ribeiro e Eliana Maria de Oliveira Spíndola, coordenadora regional

a_DSC_0339

Os homenageados e convidados para a solenidade de inauguração da oficina de trabalho do presídio de Muriaé

Roberta de Mesquita Ribeiro recebeu a homenagem, em nome da defensora pública-geral, Christiane Neves Procópio Malard, e agradeceu à comunidade, “que colaborou para que o projeto das obras pudesse se materializar, oferecendo um espaço para a profissionalização dos reeducandos”.

a_DSC_0106

A assessora de Planejamento e Infraestrutura, Roberta de Mesquita Ribeiro recebe a homenagem à Defensoria Pública

Ainda foram homenageados, por seu trabalho à frente da Defensoria, o coordenador local de Muriaé, Marcus Tarcísio Silva de Castro, e a coordenadora Regional Mata II, Eliana Maria de Oliveira Spíndola. O reconhecimento incluiu a participação de ambos no desenvolvimento do projeto de construção da oficina e da cela de visita íntima, através de parceria com a pastoral Carcerária de Muriaé.

a_DSC_0167

A coordenadora Regional Mata II, Eliana Maria de Oliveira Spíndola recebe a homenagem

a_DSC_0141

O coordenador local de Muriaé, Marcus Tarcísio Silva de Castro no momento da homenagem

Também participaram da solenidade os defensores públicos Carlos Eduardo de Oliveira, José Geraldo Mafia Júnior, André Luiz Campos Vieira e Jamel Castro do Amaral Paes, em atuação em Muriaé.

A defensora pública e assessora especial de Gabinete da Subsecretaria de Administração Penitenciária (Suapi), Andréa Abritta Garzon, também foi homenageada pela contribuição para que as obras fossem realizadas. Ela representou na solenidade o secretário de Defesa Social, Bernardo Santana de Vasconcellos, e o subsecretário de Administração Prisional, Edilson Ivair Costa.

a_DSC_0324

A defensora pública e assessora especial de Gabinete da Suapi, Andréa Abritta Garzon, entre a servidora da Defensoria de Muriaé, Lucimar de Souza Amora Freire e o diretor-geral do presídio, Rafael Sousa Braz

A construção foi financiada pela Pastoral Carcerária de Muriaé, da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, que ainda cedeu o projeto arquitetônico e estrutural e colaborou com o apoio técnico.

Oito presos, com experiência em construção civil e manutenção predial, trabalharam em todas as etapas de alvenaria, hidráulica, elétrica e pintura. O galpão de trabalho tem 60 m² e a cela de visita íntima cerca de 15m².

O diretor-geral do presídio, Rafael Sousa Braz, destacou a importância da Pastoral na empreitada. “Os presos sempre reivindicaram a criação de um espaço para as visitas íntimas e de um local onde tivessem a oportunidade de trabalhar e participar de atividades voltadas à profissionalização.”

Já a coordenadora da Pastoral Carcerária da Paróquia Nossa Senhora da Conceição e servidora da Defensoria Pública em Muriaé, Lucimar de Souza Amora Freire, ressaltou que o apoio da Defensoria foi fundamental para a realização da obra. “Para o trabalho da Pastoral é essencial a participação da Defensoria na busca da ressocialização dos reeducandos, que agora terão um espaço para a formação profissional, com cursos que atenderão a demanda por mão-de-obra da região”.

Após a solenidade em Muriaé, a assessora de Planejamento e Infraestrutura, Roberta de Mesquita Ribeiro, visitou as sedes da Defensoria em Cataguases e Juiz de Fora, com o objetivo de dialogar com os defensores das respectivas regionais. Em Cataguases, ela conheceu o novo espaço destinado ao atendimento ao público, bem como as instalações recentemente reformadas e que receberam nova pintura, com o objetivo de melhorar as condições de trabalho dos servidores, bem como a melhoria na prestação de serviços ao cidadão.

IMG-20150916-WA0003

Em Cataguases foi visitado o novo espaço de atendimento ao público



Transparência

O que é?

O objetivo dessa sessão é permitir o acesso transparente, rápido e fácil aos documentos e informações relacionadas à Execução Orçamentária e Financeira, Licitações, Contratos e Convênios.

saiba mais >