Defensoria Pública de Minas Gerais

Igualdade e cidadania para todos


Defensoria Pública participa de Seminário Sobre População em Situação de Rua, em Nova Lima


Por Ascom em 29 de setembro de 2017

A defensora pública Júnia Roman Carvalho, em atuação na Defensoria Pública de Direitos Humanos, Coletivos e Socioambientais (DPDH), participou, na quarta-feira, dia 27, do I Seminário Sobre População em Situação de Rua de Nova Lima, realizado no Hall Nobre da prefeitura do município. Na oportunidade, a defensora pública ministrou palestra sobre “Direitos Humanos e os Direitos das Pessoas em Situação de Rua”.

A defensora pública destacou a importância “de se observar a heterogeneidade da população em situação de rua, para que sejam ofertados serviços eficientes e suficientes para atender a esse fenômeno social mundial. As políticas públicas devem buscar a autonomia das pessoas para superarem a situação de rua e nunca atender a pleitos “higienistas” de setores da sociedade que vêem as pessoas em situação de rua como objetos ou obstáculos a serem retirados”.

Para Júnia Roman, “é importante, também, desmistificar a importância do álcool e outras drogas para colocar o ser humano no centro das abordagens,  sem dar centralidade ao uso de drogas, mas sim aos sofrimentos que eventualmente levam algumas pessoas a este uso abusivo”. Ressaltou que a principal luta do Movimento Nacional da População de Rua e das Defensorias Públicas de todo o país é pela moradia. “A moradia, em primeiro lugar, tem se mostrado, nos países que já adotam este sistema, um meio mais eficaz e de menor custo para lidar com o fenômeno das pessoas em Situação de Rua”, frisou.



Transparência

O que é?

O objetivo dessa sessão é permitir o acesso transparente, rápido e fácil aos documentos e informações relacionadas à Execução Orçamentária e Financeira, Licitações, Contratos e Convênios.

saiba mais >