Defensoria Pública de Minas Gerais

Igualdade e cidadania para todos


DPMG participa de seminário internacional para debater direitos humanos dos apenados


Por Ascom em 8 de abril de 2015

A defensora pública-geral, Christiane Neves Procópio Malard participou, no dia 30 de março, da abertura do I Seminário Internacional Promoção dos Direitos Humanos dos Condenados – a Intersetorialidade na Experiência do Método Apac, promovido pelo TJMG, por meio da Escola Judicial Desembargador Edésio Fernandes (Ejef), e pela Fundação AVSI.

a_DSC6680

Mesa solene

O evento foi realizado em parceria com o Instituto Minas Pela Paz, a Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados (FBAC), a Secretaria de Estado de Defesa Social de Minas Gerais e com o apoio da Delegação da União Europeia no Brasil.

a_DSC6683

Os painéis foram acompanhados pelo coordenador da área Criminal da Capital, defensor público Fernando Luís Camargos Araújo

Alguns dos objetivos do seminário foi a reflexão sobre a grave crise carcerária, a promoção do diálogo e a troca de experiências que contribuam para a reinserção social e laboral de pessoas privadas de liberdade, a exemplo da experiência apaquiana e a consolidação do método como política pública que vêm despertando a atenção internacional.

A abertura do seminário foi realizada pelo coordenador do programa Novos Rumos, desembargador Jarbas de Carvalho Ladeira Filho, representando o presidente do TJMG, desembargador Pedro Bitencourt Marcondes. Presentes, ainda, o diretor executivo da FBAC, Valdeci de Antônio Ferreira; o 2º vice-presidente do TJ e superintendente da Escola Judicial, desembargador Kildare Gonçalves Carvalho; o gerente-geral da AVSI Brasil, Jacopo Sabatielli; o chefe da Seção de Desenvolvimento e Cooperação da União Europeia no Brasil, Thierry Dudermel; o diretor executivo do Instituto Minas pela Paz, Marco Antônio Lage; o subsecretário de Estado de Defesa Social, desembargador Antônio Armando dos Anjos, representando o secretário Bernardo Santana; o secretário de Direitos Humanos do Estado de Minas Gerais, Nilmário Miranda; o presidente da Associação dos Magistrados Mineiros (Amagis), desembargador Herbert José Almeida Carneiro; o presidente dos Direitos Humanos da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, deputado Cristiano Silveira, representando o presidente da Assembleia, deputado Adalclever Lopes; e a coordenadora de Defesa dos Direitos Humanos, Apoio Comunitário do Ministério Público, promotora de justiça Nivea Mônica da Silva, representando o procurador-geral de justiça, Carlos André Mariani Bitencourt.



Transparência

O que é?

O objetivo dessa sessão é permitir o acesso transparente, rápido e fácil aos documentos e informações relacionadas à Execução Orçamentária e Financeira, Licitações, Contratos e Convênios.

saiba mais >