Defensoria Pública de Minas Gerais

Igualdade e cidadania para todos


Projeto Mesc, da DPMG, é um dos finalistas do prêmio Innovare


Por Ascom em 7 de outubro de 2015

 

O projeto Mesc – Mediação de Conflitos no Ambiente Escolar, desenvolvido pela Defensoria Pública de Direitos Humanos, Coletivos e Socioambientais, sob a coordenação da defensora pública, Francis de Oliveira Rabelo Coutinho, é um dos três finalistas do XII Prêmio Innovare, na categoria Defensoria Pública. Os vencedores de cada categoria serão conhecidos no dia 1º de dezembro, em cerimônia no Supremo Tribunal Federal, em Brasília.

Divididas em sete categorias, 667 práticas de todas as regiões do país, foram inscritas na edição 2015 do prêmio. O projeto mineiro concorreu com outros 43 inscritos. Os demais classificados são: “Da Tranca Pra Rua – A execução penal na voz dos presos”, da Defensoria Pública do Espírito Santo e “Atuação Extrajudicial na Saúde Pública: Garantia de acesso e qualidade aos serviços”, do Rio de Janeiro.

Criado em 2004, o Prêmio Innovare é a mais importante premiação da Justiça brasileira. Trata-se de uma realização do Instituto Innovare, da Secretaria de Reforma do Judiciário do Ministério da Justiça, da Associação de Magistrados Brasileiros, da Associação Nacional dos Membros do Ministério Público (Conamp), da Associação Nacional dos Defensores Públicos (Anadep), da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), da Associação Nacional dos Procuradores da República e da Associação Nacional dos Magistrados da Justiça do Trabalho (Anamatra), com o apoio do Grupo Globo.

Clique aqui para ver as práticas finalistas da categoria defensoria pública.

Fonte: Ascom/DPMG (com informações do Instituto Innovare) 06/10/2015



Transparência

O que é?

O objetivo dessa sessão é permitir o acesso transparente, rápido e fácil aos documentos e informações relacionadas à Execução Orçamentária e Financeira, Licitações, Contratos e Convênios.

saiba mais >