Defensoria Pública de Minas Gerais

Igualdade e cidadania para todos


Reunião da área da Família discute atuação extrajudicial


Por Ascom em 15 de maio de 2015

Na quarta-feira (13/05), a defensora pública-geral, Christiane Neves Procópio Malard, e a coordenadora Regional das Famílias e Sucessões da Capital, Raquel Gomes de Sousa da Costa Dias, reuniram-se com os defensores públicos em atuação na área da Família.

Na pauta do encontro, que contou também com a participação de defensores públicos lotados na comarca de Uberlândia e da defensora Fernanda Saraiva, com atuação na área em Ponte Nova, a valorização da área da Família, sua atuação extrajudicial visando reduzir o número de ações judiciais propostas e a apresentação do projeto Mutirão das Famílias, iniciativa dos defensores públicos de Uberlândia.

A_DSC8193

A reunião foi conduzida pela DPG e pela coordenadora Regional das Famílias e Sucessões da Capital, Raquel Gomes de Sousa da Costa Dias

Ao abrir a reunião, a defensora-geral Christiane Procópio agradeceu a presença de todos e ressaltou que as ações positivas que a Defensoria Pública tem promovido, além de fazer brilhar os olhos dos cidadãos, conciliam a missão constitucional da Instituição a um serviço de qualidade e ajudam a promover a valorização da atuação da classe. Christiane Procópio destacou a importância de se compartilhar práticas exitosas e da aproximação com o interior.

A DPG reafirmou sua intenção de fortalecer o trabalho que os defensores públicos têm realizado e declarou estar à disposição para proporcionar todo o apoio e suporte possíveis. “A Administração Superior da Defensoria Pública está de portas abertas para os defensores”, declarou.

O coordenador local da Defensoria Pública em Uberlândia, defensor público Fernando Orlan Pires Resende, enfatizou o potencial das iniciativas relacionadas à área da Família e falou sobre a experiência na comarca. Fernando Orlan apresentou o projeto Mutirão das Famílias, ressaltando sua intenção de compartilhar a vivência da prática, com a sugestão de que os defensores de Belo Horizonte extraiam o que julgarem adequado e positivo.

O coordenador e os defensores públicos Clayton Rodrigues Sabino Barbosa, Evaldo Gonçalves da Cunha e Gustavo Humberto Ramos, em atuação em Uberlândia, explicaram como se deu o planejamento e execução dos mutirões Direito a Ter Pai e das Famílias e como foi feita a mobilização dos parceiros e sociedade, destacando a motivação para a realização dos eventos.

O primeiro Mutirão das Famílias foi realizado no dia 08 de maio, em Uberlândia e está sendo promovido também na comarca de Ituiutaba até o dia 22 de maio. Os principais objetivos da iniciativa são facilitar e promover juridicamente a estruturação familiar, oferecendo, entre outros serviços: requerimento para o casamento gratuito, conversão de união estável em casamento, formalização ou dissolução de união estável e divórcio extrajudicial e judicial.

A_DSC8233

Defensores públicos Evaldo Gonçalves, Gustavo Ramos e Fernando Orlan; defensora-geral, Christiane Procópio; e a coordenadora Raquel Gomes



Transparência

O que é?

O objetivo dessa sessão é permitir o acesso transparente, rápido e fácil aos documentos e informações relacionadas à Execução Orçamentária e Financeira, Licitações, Contratos e Convênios.

saiba mais >